NowLoading

Round #28: Max Payne

“Não sei quanto aos anjos. Mas é o medo que dá asas aos homens.”

Súbito como um projétil furioso, eis que chega o vigésimo oitavo Round do Podcast NowLoading, repleto de filosofia de botequim, armas e muito, mas muito Bullet Time.

É isso aí, aproveitando o lançamento do filme, nessa última sexta-feira (21 de novembro), André ‘Majin’, Fernando ‘X’, Diego e Pablo reúnem-se para falar sobre o policial que sempre tem, mais ainda que munição, uma metáfora ou tirada sarcástica na manga de seu casaco que se balança enquanto ele corre: Max Payne!

E desviando das balas que chovem como canivetes no dilúvio do inferno, discutiremos sobre as origens, história e toda a parte técnica dos dois games da série. Tente compreender conosco essa complicada trama cheia de reviravoltas, motivos obscuros e clichês centenários, conheça as dificuldades da Remedy durante a produção, saiba de quem são os rostos dos personagens do primeiro jogo, e claro, relembre algumas das melhores pérolas de nosso anti-herói.

Aproveite também para saber tudo sobre o filme, estrelado por Mark Wahlberg: em que pontos foi fiel, em que pontos se distanciou e principalmente, vale à pena?

E se assim como todos nós, você também foi marcado pela inesquecível dublagem brasileira de Max Payne, essa é para você: entrevistamos Mauro Castro, a voz brasileira de Max! Ele nos conta sobre sua carreira, o árduo e precário processo de dublagem, sua visão sobre o pouco esforço que temos hoje para se localizar games no Brasil e muito, muito mais!

E lembre-se, se você não escutar já, “seus direitos serão lidos em seu funeral”.

Atenção: Spoilers dos dois games!

Links:

Podcasts Relacionados:

Botão Voltar ao topo
X