was successfully added to your cart.

Round #79: Infinite Fantasy (V & VI)

“Por que vivem sabendo que a morte é inevitável?”

Depois de um breve hiato, o NowLoading retorna com tudo na segunda parte da que atualmente é a série de podcasts mais esperada por seus ouvintes! E não é pra pouco, afinal depois de desbravar as origens e as quatro primeiras aventuras, dessa vez falaremos sobre as duas que encerraram a saga da série principal no mundo bidimensional: Final Fantasy V e VI!

A party formada por André ‘Majin’, Fernando ‘X’, diegogc e Pablo Rozados redefinem seus jobs, otimizam o equipamento, equipam os respectivos espers e dão uma passadinha final no shop pra reestocar as poções e Phoenix Down antes de embarcar na jornada que os espera: dois games com  responsabilidades giganteascas: um de suceder o jogo que redefiniu a maneira de se fazer e contar histórias em um RPG, e outro de preceder a transição para o mundo poligonal do game mais popular de toda a série. O que as aventuras encabeçadas por Bartz e Terra nos reservam?

O que faz desse sistema de Jobs do quinto jogo o melhor até então? O que fazer quando avistar um cristal rachando? Qual o misterioso grau de parentesco entre Lenna e Faris? E por que não devemos varrer o lixo para debaixo do tapete? Saiba como FFV segue a tradição dos jogos com numeração ímpar e o que Hironobu Sakaguchi trouxe para o último jogo da franquia que dirigiu.

E enfim, siga conosco para conhecer o derradeiro episódio 16-bit da fantasia final. Tente entender conosco porque a jornada de Terra, Locke, Celes e companhia é considerada por muitos o ponto alto da série e porque Pablo não reconhece nenhum game apartir daí como parte da franquia. #tomaessasephiroth

Links:

  • Espero mesmo ver a continuação desse programa sobre a franquia, principalmente pra ver o que falam sobre FF XII, o mais injustiçado… e o VII, um dos mais chatos se formos joga-lo hoje. Se bem que na época eu também não gostei 🙂

  • Marcell

    Vocês são MALUCOS! O 5 é o melhor dos antigos, enquanto o 4 é o mais linear e travado… vai entender.

  • Pingback: Scrapeboard()

  • Pingback: elsevier relatie()

  • Pingback: book of rar()

  • Pingback: lato w Bułgarii()

  • D Motta

    sempre vão haver controversias

  • Pingback: cool training()