DASH

DASH #04: Multiplayer: Propósito e Contexto

Sejam bem-vindos ao primeiro DASH de 2012! Nesse quarto episódio André Campos e Ricardo Dias, além de desejar um feliz ano novo, discutem a fundo e no melhor estilo pseudo-filosófico a existência, valor e propósito dos modos multiplayer.

Das origens às primeiras experiências, do aprendizado ao massacre nas mãos “daqueles caras”. A conversa aborda temas como os motivos para competir, a composição matemática do sucesso de World of Warcraft, a indispensável função do contexto para as ações de seu avatar, a adição desnecessária e compulsiva de modos single e multi-player e uma excelente analogia entre modos de jogo e itens de um combo no McDonalds.

E disse o profeta Gabe Newell: “adicione uma experiência social a qualquer jogo, e terás um jogo melhor”. Devemos seguir tais ensinamentos? Qual a importância das experiências sociais para o entretenimento eletrônico? E por que diabos eu tiraria minha cabeça do pacote de Cheetos para responder uma mensagem no Steam?

Tá No seu Turno!

Nossa discussão continua com você: comente abaixo ou envie seu e-mail pelo formulário de contato ou para contato@jogabilida.de. Concorda conosco? Discorda? Dissemos algo herético? Sua opinião e feedback são muito importantes! Os melhores, mais relevantes e/ou mais aleatórios e-mails serão lidos na próxima edição do DASH.

Links:

Vencedores da Promoção no DASH #03

  • Gustavo Souza
  • Igor Faria
  • Homero de Freitas
  • Rubens Oliveira
  • Marcio Barbosa

Podcasts Relacionados:

Escute também!

Close
X