DASH

DASH #22: Half-Life

O mês de Half-Life continua no Jogabilidade e, dessa vez, finalmente falaremos do primogênito da Valve, a estréia de Gordon Freeman, as aventuras de montão na Black Mesa.

Os dashers André Campos e Ricardo Dias vestem suas HEV Suits, que os informa o quão próximo da morte estão, armam-se com o equipamento de todo bom PhD em física teórica (que inclui escopetas, explosivos e insetos alienígenas) e discutem: afinal, o que faz de Half-Life um dos jogos mais importantes de toda a história?

Conheça as inspirações, as dificuldades inciais, as óbvias diferenças entre artistas, como surgiu o nome do protagonista, o que significa o nome do game, o que é a densidade de experiência, quais são nossas teorias sobre o G-Man, como a história se liga à sequência e tudo o que Half-Life fez antes de qualquer jogo.

Obviamente, spoilers sobre a história do jogo principal e suas três expansões!

Jogos Comentados

  • Half-Life (1998, Valve) – PC, PS2
  • Half-Life: Opposing Force (1999, Gearbox) – PC
  • Half-Life: Blue Shift (2001, Gearbox) – PC
  • Half-Life: Decay (2001, Gearbox) – PS2

Tá No Seu Turno!

Nossa discussão continua com você: comente abaixo ou envie seu e-mail pelo formulário de contato ou para contato@jogabilida.de. Concorda conosco? Discorda? Dissemos algo herético? Sua opinião e feedback são muito importantes! Os melhores, mais relevantes e/ou mais aleatórios e-mails serão lidos na próxima edição do DASH.

Links

Related Articles

X