Após muitos dias cobrindo a E3 e falando de joguinhos André, Rick, Corraini e o patrono convidado Felipe Lins não viam a hora de sair da caixa.

E nessa fuga em equipe eles resolveram falar um pouco sobre o filme A Invocação do Mal 2 (The Conjuring 2), sobre as aventuras fim-de-semanescas do Rick e a final da NBA, sobre a fuga literal do Corraini de uma Escape Room e sobre alguns canais de ciência que habitam a mente do Felipe e o nosso querido YouTube.

Tem algum feedback, sugestões de filmes, músicas, séries, apresentações de balé ou qualquer outra coisa? Deixe-a nos comentários abaixo ou envie seu e-mail pelo formulário de contato ou para contato@jogabilida.de.

Links:

Escutar

Adicionar à Playlist Baixar

Trilha do Podcast

  • “First Crush”, por Saberpulse
  • “Left Hand Free”, por Alt-J
  • “Satanic Rites”, por Perturbator
  • “Foreboding”, de 999
  • “Do you know me”, por Vant

Blocos do Podcast

  • Rick e NBA: 00:06:03
  • YouTube: 00:22:45
  • Invocação do Mal 2: 00:32:22
  • Escape Room: 00:50:53
  • Vinicius Bech

    LeBron entrou na zone nos últimos jogos mesmo.

  • Renato Lauriano

    hamilton o novo darksouls

    • Thiago Nunes

      Hamilton Souls.

  • Guilherme Tenório

    Bom fora da caixa, mas esse negócio de trazer patrão pra participar ficou ruim, o cara entra em TODOS os assuntos, atrapalha todo mundo toda hora, anyway, mal necessário imagino.

    • Thiago Nunes

      Vi teu comentário e já fiquei cabreiro, mas não me incomodou a participação do cara não.

      • Guilherme Tenório

        Deve ter sido má impressão minha então. não quis trolar ninguém, nada pessoal contra o convidado…so achei meio estranho mesmo, mas realmente o áudio estava muito bom.

    • ViniAleixo

      Pô, eu achei um dos melhores convidados até agora.

      Ninguém precisou ficar incitando ele a falar e não achei que ele tentou roubar a cena, ele tava falando tanto quanto qualquer outro participante.

      Aliás, o áudio dele estava tão bom que nem parecia skype. Achei que ia dar uma diferença gritante agora que eles estão na jogabilicasa falando com alguém via skype, mas não aconteceu.
      (… ou ele tava em SP mesmo e eu não tô sabendo. D: )

      • MarcusVss

        Eu tive exatamente a mesma impressão. Nos outros eles acabavam tendo que ficar toda hora chamando o convidado e esse não precisou, a conversa fluiu muito bem.

      • Felipe Lins

        Eu gravei num gravador profissional, Vini, por fora. Fiquei no Skype com os meninos e falando no gravador. Depois eu mandei o áudio pra eles.

    • slashrick

      Sério? Durante a gravação me pareceu bem natural. Entrou tanto nos assuntos quanto qualquer um de nós entraria. Não vi problemas xD

    • rafaelqa

      Me parece um pouco de recalque da sua parte…eu achei super de boa a participação dele, ele agregou bastante a todos os assuntos, ficou super natural.

    • Mikael de Freitas

      Vou ter que discordar em todos os pontos. Achei esse o melhor convidado até agora, áudio muito bom, não ficava interrompendo nem muito calado, soube participar de uma maneira bem natural. Gostei bastante.

  • Pingback: Fora da Caixa #21: Invocação do Mal 2, Escape Room, NBA – Podflix - Jogabilidade - Podcast()

  • Juliano Almeida (Mutano)

    Aquele momento em que você quer ser um patrono mas tu não só recebe um salário mínimo.
    Amo vocês boys, em breve vou dar dinheiros pra vocês em troca de mais amor, aliás Corra, o convite pro podcast sobre pro wrestling ainda tá de pé.
    BEIJÕES NOS CÊIS <3

  • Juliano Almeida (Mutano)

    Aquele momento em que você quer ser um patrono mas tu não pode pois só recebe um salário mínimo.
    Amo vocês boys, em breve vou dar muitos dinheiros para vocês em troca de mais amor, aliás Corra, o convite pro podcast sobre pro wrestling ainda está de pé.
    BEIJÕES NOS CÊIS <3

    • André Campos

      Seu amor já aquece nossos kokoro tudo! <3

  • José Verissimo

    NBA 2015/2016 > mangá de esporte.
    Só pra acrescentar mais do drama:
    Lebron James não jogou uma temporada pelo Cleveland Cavaliers antes de sair pro Heat. Ele jogou pelos Cavs de 2003 a 2010, vindo do highschool. Só que o time era ruim e mesmo com excelentes números individuais o máximo que deu pra fazer foi levar o time pra primeira final da história. Foi pro Heat, ficou até 2014, ganhou dois títulos e resolveu voltar pra Cleveland.
    Cleveland que sofria de uma maldição: Desde 1964 um time profissional da cidade não ganhava um título nacional, juntando futebol americano, baseball e basquete.
    Ano passado a chance era grande, o Cleveland já tinha um grande jogador, Kyrie Irving, recontratou o Lebron e ainda contratou o Kevin Love que seria o terceiro grande jogador. Só que a maldição é forte, então os Cavaliers foram perdendo jogadores com lesões graves ao longo da temporada, Love cirurgia no ombro, Varejão cirurgia no joelho(?), e Irving uma fratura, chegando nas finais como nos velhos tempos: Lebron carregando tudo nas costas. O Golden State Warriors já era um grande time (uma apelação só), Lebron fez uma das maiores performances da história em finais (sério, jogou ainda mais que esse ano eu acho) mas só conseguiu vencer 2 jogos e provocar umas prorrogações, perdendo a final por 4 a 2.
    Nessa temporada, Golden State estava ainda mais experiente e confiante com o título e aperfeiçoou ainda mais seu jogo, quebrando o recorde do Chicago Bulls do Michael Jordan e e se tornando o time com mais vitórias numa temporada, Curry ganhou pela primeira vez na história o MVP da temporada regular de forma unânime, recorde de cestas de 3 (quase todos os jogadores do elenco sabem arremessar bem ou ABSURDAMENTE EXCELENTEMENTE bem).
    Cavaliers trocou de técnico no meio da temporada. Só uns 2 times fizeram isso e foram campeões na história.
    18x uma final havia sido resolvida no jogo 7. Em 16 o mandante ganhou. Em caso de jogo 7 os Warriors seriam mandantes.
    33 vezes houve vantagem de 3 x 1 nas finais. Só três vezes na história um time havia conseguido sequer empatar em 3 x 3 pra forçar o sétimo jogo depois de sair atrás por 3×1. Nunca tinha havido virada.
    Mas aí… Nunca dois jogadores do mesmo time haviam marcado 40 ou mais pontos num jogo de final, Kirie e Lebron fizeram 41 cada no jogo 5.
    Lebron James é o único jogador a estar no top10 líderes de pontos, assistências e rebotes em todos os tempos dos playoffs da NBA.
    E James terminou a série das finais sendo o primeiro da história a liderar a série em totais e médias de pontos, rebotes, assistências, tocos e roubos de bola.
    Além dos lances cinematográficos de bandejas com drible, enterradas, ponte-aérea e tocos…
    =)

    • slashrick

      PQP, me emocionei de novo aqui lendo seu comentário.

      • José Verissimo

        Num é? Eu escrevi e fui arrepiando, coração dando aquela aceleradinha.
        hasuahsuhuas

  • MarcusVss
  • Adriano

    Me lembrou deles, “Quebre o meu dedo!!!!”:
    https://www.youtube.com/watch?v=Qy0KqEs2TwY

  • Engels Marx

    Acho que o James Wan é o melhor diretor de terror dos últimos tempos, mas alguém precisa dar pra ele uns roteiros melhores. Ele não faz jump scare falso com gatos pulando na janela, todos os sustos deles são muito bem construídos. A tensão que ele coloca em algumas cenas é absurda, daquele tipo de você se prender na cadeira do cinema com 3 pontos de fixação. Mas pqp, como os finais se perdem.

    Como o André disse, Invocação do Mal 2 no fim acaba sendo um negócio quase família, acaba muito feliz. Insidious, outro filme que ele dirigiu, me fez tomar os piores sustos da minha vida, mas o final é tão vergonhoso que eu não tenho coragem de indicar pra ninguém. Eu torço muito pro dia que o James Wan escrever e dirigir algo de terror que tenha seja tão redondinho quanto o que ele fez com o primeiro Jogos Mortais.

  • Manteiga No Biscoito

    Convidado legal, tragam ele mais vezes.

    • Felipe Lins

      Muito obrigado, Manteiga <3

  • ednaldofilho

    Esses Scape Rooms devem ser fodas mesmo

  • Tony Horo

    Legal que vocês voltaram no tempo e convidaram o Jurandir adolescente pra participar!

    • Felipe Lins

      Não, mah, Jurandir não uaheuaehauehuahaue

  • leonnn1

    Sobre o invocação do mal, esse filme é rated R, então isso não é filme de sessão da tarde, a menos que você queira traumatizar umas crianças.

  • Larissa Guilger

    Eu estava com o Rique na escape room em que ele salvou o time. sem spoilers: Faltava uma pista e ao invés de fazermos pelo método “certo”(que envolvia procurar num livro) o rique conseguiu se lembrar do nome que era a resposta correta por causa das aulas de história da arte.

  • Lucas Cunha de Freitas

    Gente, sobre lanches e hamburgers: recomendo darem uma passadinha no Ipê( ou Ypê não lembro) e pedirem o x-salada de frango ou carne mesmo. Alface boa, carne boa, maionese e queijo maravilhosos. Fica ali na ana rosa, pertinho do metrô.
    No mais, ótima participação do Felipe.
    Beigos de luz

    • Felipe Lins

      Obrigado, Lucas <3

  • André Oliveira Rielo

    Qual é esse canal do ˜viçosa˜ que o Rick e o Corra falam que é muito bom?

  • Leonardo D. Lourenço

    Adorei a participação do meu brother,convidem ele mais vezes,ele ira agregar bastante,no mais ótimo podcast como sempre 😀