Fora da Caixa #25: Hamilton (Ato 1)

2016-08-25T08:15:54+00:00 25 de agosto de 2016|Fora da Caixa|71 Comentários

[vc_row type=”in_container” scene_position=”center” text_color=”dark” text_align=”left”][vc_column column_padding=”no-extra-padding” column_padding_position=”all” background_color_opacity=”1″ background_hover_color_opacity=”1″ width=”3/4″][vc_column_text]“Quem vive, quem morre e quem conta a sua história?”

O musical Hamilton conta a de duas revoluções: aquela que declarou a independência dos Estados Unidos no final do século XVIII, e a de si próprio, uma peça que expandiu os horizontes da Broadway, levou teatro em verso para o mainstream e provou que é sim possível contar uma história sempre imaginada em branco e preto com pessoas das mais diversas etnias e usando como forma o hip-hop.

Nesse Fora da Caixa especial, André Campos recebe Clarice Garcia, Pamela Moura e Henrique Gonçalves para discutir como essa aparente péssima ideia foi concebida e transformada numa obra prima por Lin-Manuel Miranda.

E, nessas quase quatro horas de podcast, eles analisam música por maravilhosa música do primeiro ato enquanto tentam também explicar o motivo do fenômeno e, quem sabe, converter mais um membro para esse culto!

Não seja um Aaron Burr, escute logo!

Tem algum feedback, sugestões de filmes, músicas, séries, apresentações de balé ou qualquer outra coisa? Deixe-a nos comentários abaixo ou envie seu e-mail pelo formulário de contato ou para contato@jogabilida.de.

Links:

[/vc_column_text][/vc_column][vc_column column_padding=”no-extra-padding” column_padding_position=”all” background_color_opacity=”1″ background_hover_color_opacity=”1″ width=”1/4″][vc_column_text][fap_track url=”http://media.blubrry.com/bilid/content.blubrry.com/bilid/fdc25_hamilton_ato1_.mp3″ title=”Fora da Caixa #25:” share_link=”http://jogabilida.de/2016/08/fora-da-caixa-25/” cover=”http://jogabilida.de/wp-content/uploads/2016/02/fdc-capita.png” meta=”Hamilton (Ato 1)” layout=”grid” enqueue=”yes” auto_enqueue=”yes”][/vc_column_text][vc_raw_html css=”.vc_custom_1449180476769{margin-top: 30px !important;}”]JTNDZGl2JTIwaWQlM0QlMjJmZWVkLWJ1dCUyMiUyMHN0eWxlJTNEJTIydGV4dC1hbGlnbiUzQSUyMGNlbnRlciUzQiUyMiUzRSUzQ2ElMjBzdHlsZSUzRCUyMmRpc3BsYXklM0ElMjBibG9jayUzQiUyMGNvbG9yJTNBJTIwJTIzZmZmJTNCJTIyJTIwaHJlZiUzRCUyMmh0dHAlM0ElMkYlMkZuYW9nYW1lcy5qb2dhYmlsaWRhLmRlJTJGJTIyJTIwdGFyZ2V0JTNEJTIyX2JsYW5rJTIyJTNFJTNDaSUyMGNsYXNzJTNEJTIyZmElMjBmYS1yc3MlMjBmYS0zeCUyMiUyMHN0eWxlJTNEJTIyZGlzcGxheSUzQSUyMGlubGluZS1ibG9jayUzQiUyMG1hcmdpbiUzQSUyMDAlMjAxMHB4JTNCJTIyJTNFJTNDJTJGaSUzRSUyMCUzQ3AlM0VGZWVkJTIwUlNTJTNDJTJGcCUzRSUzQyUyRmElM0UlM0MlMkZkaXYlM0UlMEElM0NkaXYlMjBpZCUzRCUyMml0dW5lcy1idXQlMjIlMjBzdHlsZSUzRCUyMnRleHQtYWxpZ24lM0ElMjBjZW50ZXIlM0IlMjIlM0UlM0NhJTIwc3R5bGUlM0QlMjJkaXNwbGF5JTNBJTIwYmxvY2slM0IlMjBjb2xvciUzQSUyMCUyM2ZmZiUzQiUyMiUyMGhyZWYlM0QlMjJodHRwJTNBJTJGJTJGaXR1bmVzMi5qb2dhYmlsaWRhLmRlJTJGJTIyJTIwdGFyZ2V0JTNEJTIyX2JsYW5rJTIyJTNFJTNDaSUyMGNsYXNzJTNEJTIyZmElMjBmYS1tdXNpYyUyMGZhLTN4JTIyJTIwc3R5bGUlM0QlMjJkaXNwbGF5JTNBJTIwaW5saW5lLWJsb2NrJTNCJTIwbWFyZ2luJTNBJTIwMCUyMDEwcHglM0IlMjBjb2xvciUzQSUyMCUyM2ZmZiUzQiUyMiUzRSUzQyUyRmklM0UlMjAlM0NwJTNFSXR1bmVzJTNDJTJGcCUzRSUzQyUyRmElM0UlM0MlMkZkaXYlM0U=[/vc_raw_html][vc_raw_html css=”.vc_custom_1448870206131{margin-top: -25px !important;}”]JTNDYSUyMGhyZWYlM0QlMjJodHRwJTNBJTJGJTJGeW91dHViZS5jb20lMkZqb2dhYmlsaWRhZGUlMjIlMjB0YXJnZXQlM0QlMjJfYmxhbmslMjIlM0UlM0NpJTIwY2xhc3MlM0QlMjJ5b3V0dWJlLWJ1dCUyMGZhLXlvdXR1YmUtcGxheSUyMGZhLTJ4JTIyJTNFJTNDJTJGaSUzRSUzQyUyRmElM0UlM0NhJTIwaHJlZiUzRCUyMmh0dHAlM0ElMkYlMkZmYWNlYm9vay5jb20lMkZqb2dhYmlsaWRhZGUlMjIlMjB0YXJnZXQlM0QlMjJfYmxhbmslMjIlM0UlM0NpJTIwY2xhc3MlM0QlMjJmYWNlLWJ1dCUyMGZhLWZhY2Vib29rJTIwZmEtMnglMjIlM0UlM0MlMkZpJTNFJTNDJTJGYSUzRSUzQ2ElMjBocmVmJTNEJTIyaHR0cCUzQSUyRiUyRnR3aXR0ZXIuY29tJTJGam9nYWJpbGlkYWRlJTIyJTIwdGFyZ2V0JTNEJTIyX2JsYW5rJTIyJTNFJTNDaSUyMGNsYXNzJTNEJTIydHdpdC1idXQlMjBmYS10d2l0dGVyJTIwZmEtMnglMjIlM0UlM0MlMkZpJTNFJTNDJTJGYSUzRQ==[/vc_raw_html][divider line_type=”Full Width Line” custom_height=”20″][toggles][toggle color=”Extra-Color-1″ title=”Trilha do Podcast”][vc_column_text]

  • “Hamilton, o Musical (Ato 1)”, por Lin-Manuel Miranda e cia.

[/vc_column_text][/toggle][toggle color=”Extra-Color-1″ title=”Blocos do Podcast”][vc_column_text]

  • 00:00:00: Introdução
  • 00:37:20: Alexander Hamilton
  • 00:54:13: Aaron Burr, Sir
  • 01:02:10: My Shot
  • 01:16:18: The Story of Tonight
  • 01:20:36: The Schuyler Sisters
  • 01:31:25: Farmer Refuted
  • 01:38:04: You’ll Be Back
  • 01:47:38: Right Hand Man
  • 02:02:20: A Winter’s Ball
  • 02:06:16: Helpless
  • 02:17:23: Satisfied
  • 02:30:10: The Story of Tonight (Reprise)
  • 02:34:18: Wait For It
  • 02:43:55: Stay Alive
  • 02:50:03: Ten Duel Commandments
  • 02:55:02: Meet Me Inside
  • 02:59:14: That Would Be Enough
  • 03:07:03: Guns and Ships
  • 03:13:11: History Has Its Eyes on You
  • 03:19:08: Yorktown (The World Turned Upside Down)
  • 03:28:36: What Comes Next?
  • 03:31:13: Dear Theodosia
  • 03:37:00: Non Stop

[/vc_column_text][/toggle][/toggles][/vc_column][/vc_row]

  • ViniAleixo

    Belo tema, belo tema.
    Ainda estou ouvindo, mas desde já queria frisar que hoje em dia ouvir uma discussão via skype é quase nostálgico, haha!

  • Mateus Oliveira

    We won!

    • Kirano

      The World turned Upside Down

  • PedroVilo

    Nunca comentei, mas acho que a hora finalmente chegou. Não consigo expressar a gratidão que eu tenho pelo jogabilidade, em especial o André, por ter me apresentado Hamilton. Foi uma experiência life changing (que, para os leigos, significa “morena” em francês). O que aprendi de história, inglês e até sobre produção de uma peça desse nível, é difícil de ser contado. Desde que apresentaram Hamilton em um fora da caixa, eu tenho escutado, porém, foi nos últimos 3~4 meses que eu caí de cabeça nesse mundinho e só tenho escutado o álbum do musical no Spotify. Já apresentei pra vários amigos e pros meu professores de história, literatura e inglês. Muito obrigado, novamente, Jogabilidade! Vocês mudaram a vidinha de alguém para melhor, não só por Hamilton, mas por todos os projetos que vocês fazem aqui!
    A dot Ham

    • André Gross

      Falou tudo Pedro. Vou guardar esse Cast para o fim de semana, ouvindo-o sem interrupções, enquanto estiver jogando algo bem tarde a noite.
      Obrigado Jogabilidade

  • Eduardo

    Descobri esse site recentemente junto com o Overloadr e já sou fã dos 2, não conhecia o musical, mas achei muito bom e não paro de ouvir.

    Um grande abraço obrigado pelo conteúdo =)

    • André Campos

      Seja bem vindo! =D

  • Immigrants we get the job done!

  • <3

  • Heitor Lyra

    SENSACIONAL esse podcast, parabens pela iniciativa em explicar cada musica e o lirismo

  • Xikospipous

    Estou enrolando para ouvir Hamilton até hoje para ouvir hamilton.
    Agora depois desse podcast FODA sobre essa obra prima da broadway, fui impulsionado a ver ainda mais.

  • Pedro Henrique

    Como esperei por esse podcast!

  • Son1213

    Hamilton? Passo. Troço chato

    • André Campos

      Insuportável.

  • Ícaro Melo

    Ok, esse cast me convenceu. Hamilton é foda, e eu estou apaixonado pelo musical (nunca vi nenhum musical na vida, nem nunca tive interesse).

  • Whateverman

    Eu assisti Hamilton, gostei, mas o André falou tanto que comecei a odiar

  • marcelo

    Estou apaixonado amigos. Acho inclusive q a versão brasileira do dvd deveria ter um modo com comentários do jogabilidade. Parabéns pelo cast.

  • Jeoval Chamusca

    OPA!!!!, vamos lá

  • Esquerdopata

    Cast foda demais.

  • Gabriel Azmodam

    A unica coisa boa desse episodio foi a Clarice, que é a coisa mais fofa do mundo.

  • Osvaldo

    Podcast de Hamilton? Is this real life?
    Poderia dizer muitas coisas, mas vou me conter em “Muito obrigado”!

  • rubensxd

    Um dos melhores podcasts da história 🙂

    Obrigado André, sua paixão é tão contagiante quanto o musical

  • Dest

    Qual a meta para termos foras da caixa temáticos com uma periodicidade?

  • VictorHK1

    Não nos deixem esperando muito pela parte 2. =D

    • Felipe Malafaia

      wel…

  • Engels Marx

    Eu havia escutado as músicas no Spotify e apesar de ter achado legal eu percebi que não tinha realmente “escutado”. Com vocês falando e acompanhando a letra direitinho deu pra perceber porque esse musical é incrível. Agora vou arrumar um jeito de assistir.

    PS: Gostei do Fora da Caixa como algo mais temático. Já gostava quando vocês pegavam um tempinho no final do programa e falavam sobre algo de forma mais profunda e com spoilers.
    PS2; Engraçado eu nunca ter reparado que o Lin-Manuel Miranda participou de House, e pior, em um dos melhores epispodios! Pra mim, o começo da sexta temporada, quando ele participa, só não é melhor que os dois últimos da quarta.

    • Eu também tive esse susto quando percebi que o Lin aparece na sexta temporada de House – claramente a melhor temporada e os melhores episódios – mas foi só ele começar a fazer o rap com aquela voz que bateu na hora hahaha.

  • Ayana

    Não consigo parar de me perguntar o que vocês achariam desse artigo: https://www.currentaffairs.org/2016/07/you-should-be-terrified-that-people-who-like-hamilton-run-our-country

    • André Campos

      Uma opinião válida, mesmo tendo vindo de alguém que não ouviu o musical e se baseia quase somente em reações hiperbólicas de outras pessoas e trechos isolados. E também é triste que a pessoa não tenha chegado à realização de que a maior parte da popularidade de Hamilton vem das pessoas que ouviram o álbum, e não da elite que pode assistir ao espetáculo na Broadway e que, para apreciá-lo, basta ter acesso ao YouTube ou Spotify.

      Also, também acho de uma estupidez tremenda usar o termo “blackwashing” e considerar que todos ali só poderiam ser pessoas terríveis por terem escravos sem analisar que, no contexto da época, isso era culturalmente comum. Nós não somos pessoas terríveis porque fazemos coisas terríveis como compactuar com a destruição do planeta e depender de dispositivos fabricados por trabalho escravo na China em prol do nosso conforto, embora quase certamente isso será abominado por gerações futuras. Seres humanos são mais complexos que isso.

      • Márcio Zacarias

        André, que análise foda o.O

    • Thais Leal

      olha, crítica negativa de Hamilton por crítica negativa de Hamilton, eu sou muito mais esse artigo aqui: http://howlround.com/why-hamilton-is-not-the-revolution-you-think-it-is

  • Renan

    Caramba, gostaria de agradecer muito pelo trabalho que fizeram.

    Tinha ouvido o musical pelo Spotify (por influência do André) e tinha achado excelente, mesmo não gostando muito de rap.
    Entretanto, por circunstâncias da época não pude me focar muito e prestar a devida atenção na história.
    Agora estou escutando direto as músicas, em loop e… como são emocionantes e inspiradoras…

    Já comecei a pesquisar sobre o Ato 2, o que leva a um grande problema:

    Eu preciso urgentemente da segunda parte desse podcast!!! Façam logo! 🙂

    • André Gross

      ATO 2 NOW!!!

      • Anderson [RiversCroft]

        Ainda esperando!

  • Marcos Kinhos

    TCC pronto.

    É incrível como vocês conseguem passar esse amor e empolgação de maneira tão natural. Simplesmente, eu não quero parar de ouvir esse cast.

  • Rafael Pradella

    O André é uma pessoa tão horrível que ele não se contenta com manter consigo o sentimento de “Poxa vou ter que fazer uma viagem pra NY e comprar ingressos do preço de um PS4 se eu quiser ver isso ao vivo algum dia”, faz questão de espalhar isso para seus ouvintes ;-;

    <3 Adorei o podcast, ouvindo Wait for It em loop desde o lançamento do episódio.

    • Kirano

      Jogabilitour Hamilton. EU APOIO.

  • Andrey Santiago

    Entrei para o culto e já comecei a espalhar a palavra haha, obrigado Jogabilidadeiros por me apresentar a esse incrível musical, minha preferida é a “The Schyuler Sisters” não consigo parar de escutar, fora que a quote da Angelica é muito boa <3
    "“We hold these truths to be self-evident
    That all men are created equal”
    And when I meet Thomas Jefferson
    I’m ‘a compel him to include women in the sequel!"

  • Esquerdopata

    poderia rolar de alguem postar bons links com as apresentações!

    • MTrulin

      pirate bay

  • Everardo Feres

    Excelente cast. Podiam fazer o próximo especial sobre breaking bad hein? Já que todo mundo aí parece gostar… rs

  • Pedro Guilherme

    Demorou, mas finalmente ouvi/assisti Hamilton. Apesar de todas as menções, acabei só decidindo ouvir com o lançamento do cast de quatro horas. Eis que em dois dia eu vi o musical duas vezes, ouvi o cast duas vezes,não paro de pesquisar coisas sobre as figuras históricas envolvidas e procurar videos no youtube sobre Hamilton. Sinto que isso não vai passar tão cedo, mas fico feliz, foi uma experiência realmente muito, muito boa. Então, obrigado por apresentar, Hamilton e parabéns pelo cast, certamente um dos melhores que já foram feitos. No aguardo do ato 2 e na esperança de que ele ocorra logo!

    • Kirano

      Como você viu? Youtube? Torrent? xD eu dei umas olhadas nos meus sites padrões e não consegui achar. 🙁 Só achei o CD.

      • Pedro Guilherme

        Eu achei na baia dos piratas, só achar o torrent lá. :3

      • Márvio

        E tem a legenda no legendas.tv

  • Kirano

    It must be nice, it must be nice
    To have Jogabilidade on your side

  • Obrigado por me apresentarem essa obra-de-arte! Nunca fui fã de musical nem de hip-hop, mas Hamilton mudou minha percepção para ambos os gêneros.

    Ah, na busca por achar alguns trechos em vídeo do musical acabei caindo num sub-gênero muito doido: ANIMATIC DE MUSICAL.

    O do Aaron Burr foi o que mais gostei:
    https://www.youtube.com/watch?v=i1BVB3tTW6c

    Abraço, galera!
    Torcendo para a parte 2 vir logo 🙂

  • Thais Leal

    Qui podcastão DA PORRA.

    Gigante porém gostoso de ouvir e bacana :3 deu vontade de sentar com vocês e ficar atrapalhando a conversa falando das problematizações, e ao mesmo tempo tietando e dividindo fatos históricos legais e pirando nas batidas e nas rimas maravilhosas

    Eu já tou na Igreja de Hamilton desde, sei lá, outubro do ano passado, quando saiu o Cast Recording, que eu devo ter escutado umas boas centenas de vezes desde então (mas só fiz um grupinho com brasileiros em janeiro, na época em que vazaram um dos bootlegs e a gente queria traduzir). Eu já tava meio desencanando da peça a algumas semanas, e fazia um tempo que eu não escutava nenhuma música do musical sem ser no shuffle do celular. Culpo minha fadiga pelo excesso de convivência com a parte mais exagerada e sem semancol do fandom.

    Sério, não deu nem um ano de fandom e já rolou de tudo, de stalker dos atores indo pro teatro tentar cortar cabelo e descobrir onde eles moram, passando por gente defendendo o Washington ou o Jefferson de críticas argumentando que ser escravo na época não deve ter sido assim tão ruim, até a maravilhosa fanfic do Lin-Manuel canibal matando e devorando todo o elenco da peça…
    MAS esse camalhaço auditivo chamado Fora da Caixa 25 reacendeu minha chama revolucionária e meu amor por esse musical lindo!

    Eu meio que já sabia de muita coisa que vocês falaram, mas ouvir vocês discutindo sobre a música, a história, os atores, o palco, as referências… me lembrou de quando eu tava na baldeação da República ouvindo Right Hand Man pela primeira vez e sentindo meu coração disparar a cada frase e sentindo que tinha nas minhas mãos uma coisa muito especial. É realmente um trabalho incrível, e o que o Lin e a equipe dele conseguiu colocar de informação e arte, e a forma com o qual eles conseguiram juntar tanta gente talentosa nesse projeto é encantador

    Agradeço ao André e a todo mundo por terem feito esse podcast foda, e que eu posso ou não estar com um loop de Yorktown enquanto escrevo esse comentário.

  • Daniel Morais

    Eu sou apaixonado por musicais a mais tempo do que posso me lembrar. Quero muito um podcast mensal sobre musicais nesse formato. Achei muito perfeito.
    Sugiro para o primeiro programa Jesus Cristo superstar que é muito foda e tem muita coisa para falar. Só que como tem muitas gravações, acho que seria melhor não usar todas da mesma versão. Posso ajudar na seleção se quiserem.

    • Márvio

      Acho difícil sair algo do gênero. Interessante a sua proposta, e por conhecer o gênero, acho que você seria a pessoa indicada a criar um podcast sobre o assunto.

  • Confesso que quando vi que o podcast tinha umas 4 horas deu uma preguicinha…
    Comecei a ouvir e ver uma porção de coisas que perdi nas dezenas de vezes que ouvi a trilha de Hamilton!
    Quando acabou o podcast rolou um sentimento de “nossa, já acabou!?”

    Sensacional, parabéns a todos os envolvidos!

  • João Cléber

    Obrigado por me convencerem a dar uma chance para Hamilton.
    Apenas isso.
    Obrigado, está sendo uma experiência na mesma proporção de Undertale.

  • Dinopron

    Aguentei o máximo que pude, no Stay Alive (Reprise) eu já tava no limite, enfim no meio de It’s Quiet Up Town eu tive que ir chorar escondido no banheiro. Sabe, um homem velho chorando como um bebê não é algo bonito de se ver, na última música não tinha mais lágrimas para sair. Meus olhos arderam por um bom tempo depois disso. Eu não estava preparado pra esse musical, ainda bem que não ouvi a segunda parte em público.

    • Márcio Zacarias

      É complicado mesmo se segurar com a “It’s quiet up town”…

  • MTrulin

    Só quero agradecer por esse maravilha de cast, muito obrigado

  • Calyane Collet

    Esperando ansiosamente pela parte 2! Eu não imaginava como mas parece que esse musical realmente muda pensamentos e vidas. Muito obrigada por trazê-lo para as nossas através desse podcast ótimo 🙂

  • Yuri Ortin Elste Bileski

    só vim aqui agradecer. pqp. que foda!

  • Antonio Marcelino

    Interessante notar que o Jonathan Groff é gay assumido, ou seja, o único ator branco da peça também está lá representando uma minoria.

  • Márcio Zacarias

    Obrigado, pessoal

  • daniel araujo

    Admito que quando vi as 4 horas de programa fiquei com preguiça e fui adiando para ouvir, mas agora chegando no fim sinto que valeu total a pena, esse podcast ficou fantastico, parabéns André e todos os participantes.

  • Pingback: Hamilton – Quem vive, quem morre, quem conta sua história | Chat Supremo()

  • Verônicaㅤ ‏

    Depois desse podcast eu to simplesmente APAIXONADA por esse musical! Muito obrigada pelo belo trabalho e o carinho em nos trazer tanta informação~
    Espero ansiosamente pelo Ato 2 ♥

  • Rosemberg Almeida

    Eu só queria dizer que o trabalho de vocês é muito non-stop. E que estou muito helpless aguardando o Ato II. Eu acho incrível como vocês conseguem manter essa qualidade. Obrigado.

  • Fernanda Yamazato

    Sensacional! Não demorem pra fazer sobre o ato 2 pelamordedeus!!

  • Beatriz

    Descobri o podcast (episódio) só agora, por indicação de uma amiga, apesar de já ouvir a trilha de Hamilton há meses e ser super fã. Por favor, quando chega o Ato 2? Ainda este ano? Obrigada!

  • Keila Sparrow

    Não sou o público alvo desse site, caí aqui de paraquedas fazendo umas pesquisas sobre Hamilton e só estou comentando pra agradecer muuuito a cada um de vocês que participaram desse podcast maravilhoso e que estão literalmente espalhando a palavra. Hamilton com certeza já está no meu top 3 de melhores musicais. Em vários momentos paro pra chorar, porque pense em um musical emocionante. It’s Quiet Uptown quebra o meu coração quase tanto quanto a última música de Les Miserables. Pelo amor de Eliza, gravem logo sobre o segundo ato!! Tô helpless demais!!

  • james winther

    nunca comentei
    mas vou ter que deixar aqui so o lembrete
    por favor façam o ato 2
    como nao falo em ingles e por voces que me ligo muito mais a peça
    muito obrigado

  • Esquerdopata

    Existe um momento em que o André diz que o Burn compara i Hamilton as forças da natureza: a vida, a morte, o amor o Hamilton, mas isso n esta na letra ( ele fala isso na parte da wait for it) alguem Saberia me explicar?

  • Isa Prospero

    Que episódio incrível! Já tem um ano, mas não vai sair a parte 2 mesmo? Ficou tão bom!

  • estamos há 0 dias sem reclamar pela falta do episódio sobre o ato 2

    nosso recorde é 0 dias

X