Sejam bem vindos à mais um encontro do grupo de mais garbo e elegância do mundo da discussão da arte da animação japonesa!

Nesta aglomeração de lords Superintendente Rick, Barão Sushi, Califa CorrainiDitador Ivan Mizanzuk se reúnem uma última vez para dar encerramento a mais uma temporada desse grupo de finos degustadores falando sobre o maluco, hilário e apaixonante Nichijou.

Um anime de esquetes sobre o dia a dia de estudantes que mostra que até nos mais simples e pacatos dias, coisas magicas e absurdas acontecem a cada momento, basta saber como olhar para elas. Megami River. Yukko.

É o fim de mais uma temporada do JACK, mas não temam: ao fim da reunião recebemos uma breve visita da próximo Lady convidada e anunciamos qual será a obra a ser discutia pelos nobres cavalheiros na próxima reunião (clique aqui caso queira saber de antemão) e qual irá encerrar a próxima temporada (clique aqui caso queira saber de antemão).

O que achaste?

A sessão do clube continua com você: comente abaixo ou envie seu e-mail pelo formulário de contato ou para contato@jogabilida.de. Concorda conosco? Discorda? Dissemos algo herético? Sua opinião e feedback são muito importantes!

Links:

Trilha do Podcast

  • “Moonlight BLues”, por Bruce Maginnis
  • “Hyadain no Kakakata Kataomoi-C, por Hyadain

Blocos do Podcast

  • EEEEEEEEEEEE?: 0:00:00
  • Pedro Depoi

    Conheci Nichijou pelos podcasts de vcs e tava esperando muito por esse Jack :’>

  • Pedro Depoi

    Excelente cast, como sempre. Minha reclamação é vcs me obrigarem a assistir Steins Gate >.<

  • Pedro Zeferino

    Excelente.

    Ainda não assisti Nichijou (Não tenho paciência para animes SoL com mais de 13 episódios), mas qualquer dia eu dou uma chance.
    O que me deixou realmente animado foi Steins;Gate – vide, na minha opinião, um dos melhores animes de 2011. Acho interessante como ele consegue brincar com o tema de viagem temporal sem deixar o anime monótono e pouco entretido. Estou ansioso pelo próximo JACK.

    E lembrem-se: El-Psy-Congroo.

  • Manteiga No Biscoito

    Infelizmente pularei esse cast, não gostei muito do anime e nem terminei. Qual é o proximo?

    • slashrick

      É só ler o texto do post.

      • Manteiga No Biscoito

        Obrigado, é que eu não pude acessar o site antes.

  • Rodrigo Oliver

    Ótimo como sempre, terminei de assistir fazem 2 semanas e ri um bocado com cada sketch mencionada, eu dificilmente vou com a cara do humor japonês mas com Nichijou foi diferente, apesar do início meio difícil depois que a pessoa se acostuma é só diversão.

    Vale a curiosidade que Steins;Gate, Anohana e Nichijou são todos da temporada de primavera de 2011.

    • slashrick

      Caraleo! Primavera de 2011 é tipo 1998 pros jogos?

      • Rodrigo Oliver

        Rick pra vc ter uma ideia nesse ano teve Madoka, Bakuman (parte da 1ª temporada e 2ª), Steins;Gate, Anohana, Nichijou e Hunter x Hunter.

        • Pedro Guilherme

          Teve a primeira temporada de Fate/Zero tbm.

        • Pedro Zeferino

          Sem contar que teve a primeira temporada de Gintama, Shinryaku, Kaiji e a animação de Persona 4.

        • VictorHK1

          Meh.

  • Crow

    Me pergunto se o Mizanzuk pesquisou “Nichijou misogyny”

  • Bruno Henrique Ferraz

    Esse episódio me fez gostar ainda mais de Nichijou do que eu já gostava antes. Alguém quer montar a liga brasileira de igo soccer aí?

  • Gabriel Barbosa

    Excelente recomendação e podcast. Agora falando em qualidade visual de anime indico a série Fate pra vcs da ufotable(Fate staynight/Fate zero/Fate ubw).

    • Gabriel Barbosa

      E anohana é um dos melhores que eu já vi, me emocionei.

  • Panino, o Manino

    Finalmente, estava demorando?
    A Mai é “ruim”, no sentido de “não é uma boa pessoa”. É a única personagem daquelas malucas que claramente faz brincadeiras para machucar os outros, sociopata, lunático.

  • gutemberg camilo

    Primeiro podcast de vcs que ouço recomendado por um amigo, excelente programa.

    Gostaria de pedir um programa sobre Hyouka e Spice And Wolf.

    • Sushi0

      Seja bem vindo! Espero que goste dos programas <3

  • Outrem

    Ano Hana? Não podia ter sido Angel Beats?

    • Sushi0

      Poder podia ter sido tanto anime que vish, mas é esse que ela quis indicar e é esse que iremos ver. =D

  • Julio Cesar

    Nichijou é um dos meus amigos preferidos de todos os tempos. Sempre racho de rir com as esquetes, senti falta de vocês comentarem o episódio do templo, uns dos melhores que tem. Aliás uma esquete que eu adoro nem é de comédia. https://youtu.be/HlbdiwXh-P0

    • slashrick

      Essa série de sketches de “pequenos flashes de amor” é EXCELENTE.

  • Arthur Ruiz

    Finalmente saiu esse cast!! Me fez gostar ainda mais desse anime que eu já considero pakas e me deram motivo pra ver esses animes que vão ser comentados que eu enrolei tanto tempo.

  • Pedro Zeferino

    Excelente.

    Eu, infelizmente, ainda não assisti Nichijou (Não tenho paciência para animes SoL com mais de 13 episódios), mas qualquer dia eu dou uma chance.
    O que me deixou realmente ansioso foi Steins;Gate – vide, na minha opinião, uma das melhores animações nipônicas de 2011. Acho interessante como ele consegue brincar com o tema de viagem temporal sem deixar o anime monótono ou pouco entretido.
    Já em relação à Aku no Hana, li apenas o mangá, já faz um bom tempo, porém ainda está bem fresco na memória. Engraçado que, enquanto lia o mangá, não senti tristeza em momento algum, muito pelo contrário; embora seja bem explicito para algumas pessoas que o final possa ser considerado melancólico, para mim foi algo bem bonito, e até inspirador; é uma espécie de lição de vida. Enfim, estou ansioso pelo próximo JACK de qualquer maneira, principalmente pelo anime final desta temporada. (Hehehe)

    E lembrem-se: El-Psy-Congroo.

    • Haru Nakubo

      O anime do próximo JACK é Ano Hana, e não a adaptação para anime de Aku no Hana. Também faço essa confusão toda hora kkkk ( o que é uma pena pois tanto o anime quanto o mangá de Aku no Hana estão nos meus favoritos, seria interessante ver eles falar sobre as temáticas que essa obra trás).

      • Pedro Zeferino

        Rapaz, não é que é verdade.
        Eu jurei ter ouvido um “no” durante as sentenças. Acho melhor trocar de fone depois dessa. (E pelo visto irei pular outro JACK, já basta Angel Beats para me deixar triste.)

  • GhostSnakin

    Imagino a viagem que esse podcast foi pra quem ouviu sem ter assistido.
    Esse foi um dos melhores jacks até então. Gostei muito de ouvir a conversa de vocês sobre esse anime tão gostoso de assistir. Excelente cast, espero ver muitos mais assim 🙂

  • Panino, o Manino

    Pelo que conheço do mangá o anime é mais bacana, e isso não é novidade em animações do Kyoto Animation. K-On por exemplo é bem ruizinho no original, o estúdio fez um milagre na animação. No entanto nem todas as adaptações que o estúdio fazem podem agradar, um exemplo é Hibike Euphonium onde alguns vícios do estúdio ficam bastante aparentes.

  • Panino, o Manino

    Sobre o que explica a qualidade da animação… há uma história aqui.
    O Kyoto Animation fez seu nome fazendo adaptações de Visual Novels da Key, e criou uma reputação de animes “moe”, com garotinhas para vender. Eles eram um estúdio que aceitava contrato com outras produtoras que cuidavam do marketing, nenhuma novidade, eles apenas eram bem sucedidos e tinham bons animadores. Então em 2006 acontece Haruhi… um estrondoso sucesso. Dois anos depois em 2009 o KyoAni teve dois animes, a segunda temporada de Haruhi e a primeira temporada de K-On!.
    Haruhi foi feito com a produtora Kodokawa, K-On! foi feito com a produtora Pony Canyon.
    Nessa época o estúdio já tinha boas vendas, grandes vendas, as séries geralmente davam bom retorno financeiro. A Kodokawa esperava que a segunda temporada de Haruhi mantivesse o sucesso da primeira só que várias polêmicas incluindo a adaptação extremamente controversa que o estúdio fez da história (que eu gosto e aprecio bastante) limitou os lucros da produtora, e enquanto isso o sucesso de K-On! ofuscou tudo naquele ano, vendeu demais.
    Dois anos depois a Kodokawa apostou todas as fichas em Nichijou, deu volumes inacreditáveis de dinheiro para o estúdio e fez uma campanha de marketing insana. Isso explica o orçamento inacreditável da série, e é parte do motivo da
    animação ser tão bem feita mas não é todo o motivo, o estúdio é pequeno e
    prefere fazer tudo internamente ao contrário do que normalmente
    acontece onde se usam animadores freelanchers and dezenas de outros
    estúdios para cada episódio. Eles dão curso de animação internamente e
    pagam bem seus funcionários. Só que Nichijou, o original, não é uma comédia fácil para qualquer um e a produtora fez de tudo para forçar o sucesso da série, ela gastou muito dinheiro em propaganda nas ruas. Isso vindo de uma produtora cheia de truques para tirar dinheiro dos otakus babões e com produtos caros e com conteúdo questionável, é óbvio que eles esperavam retorno na mesma proporção, o que por só era improvável de acontecer e para piorar ainda mais o mesmo público otaku babão estava incomodado com a produtora e o estúdio por causa da segunda temporada de Haruhi e outras polêmicas. O resultado disso tudo foi um dos maiores fracassos financeiros da história.
    A relação da produtora com o estúdio foi gravemente abalada. Não creio que seja culpa do estúdio pela forma como adaptou e animou, fizeram como poderiam ter feito melhor, o erro foi da protura em apostar tão cegamente no sucesso da série, ainda mais de uma série com tão pouco apelo moe e sexual para vender.
    No ano seguinte a Kodokawa trabalhou com o estúdio em Hyouka, outro anime lindo, mas dizem a relação foi abalada até o fim dos tempos e nunca mais trabalham juntos pelo que sei. E o Kyoto Animation se tornou ainda mais fechado, começaram a ser eles mesmos produtores de suas próprias séries em alguns casos, criando animação original ou animando publicações próprias.

    Então foi isso, um grupo de animadores que preza por máxima qualidade de animação e atenção a detalhes recebendo um caminhão de dinheiro para animar uma série que não precisava ter boa animação. Nunca mais acontecerá.

    • Pedro Guilherme

      Apenas como complemento a esse excelente comentário. Ao contrário do que é comum pensarmos, o fato de um mangá fazer sucesso não necessariamente corrobora em lucro para um estúdio de animação. O lucro do mangá é do autor e da editora e tem muito anime famoso aí que serve só de propaganda pra manga vender mais.

      O grosso da indústria hoje é venda de DVDs e blu-rays e os animes já são feitos com isso em mente. O que acontece, no caso de Nichijou e de muitos outros animes aí que nunca terão uma continuação, é que o investimento não retorna tanto lucro por que não conseguiram vender muitos BD’s e DVD’s.. E é difícil conseguir, essas vendas são pra um nicho de um público maior que vai aceitar gastar centenas de dólares em uma temporada de anime. Pra terem uma idéia, algumas temporadas com os volumes completos ficam em torno de $ 800 a $ 1200. Um erro de timing e uma série mais chamativa que lança no mesmo período já condena o lucro de uma empresa, por que ninguém está tão disposto a gastar tanto assim em mais de uma série.

      • Panino, o Manino

        Bom mencionar isso.
        Há tanto anime incompleto baseado em mangá porque eles são “lucro fácil”. A produtora tem um produto “novo” que já vem com alguns fãs e o maior objetivo é aumentar as vendas do mangá. Não precisa ser a melhor adaptação, só precisa trazer mais público para o mangá.
        No caso de Nichijou o principal objetivo da Kodokawa era lucrar com vendas de discos e produtos baseados no anime apostando na tradição de séries do estúdio venderem bem. Excluindo Munto que não importa, nos anos anteriores era certo que animes do Kyoto Animation vendessem pelo menos 20 mil, os sucessos passavam de 40 mil e até 50 mil, e então vem Nichijou que não chegou nem em 3 mil (hoje acumulou mais) e isso com as vendas dos DVDs e BDs isolados, o set completo e edições limitadas. Não havia mais edições para a Kodokawa vender, a série simplesmente fracassou, dando um retorno estimado de 400 milhões de ienes, muito pouco. Em seguida as vendas das séries do estúdio voltaram ao normal…
        O maior fracasso do Kyoto Animation até hoje é Tamako Market, o que não é uma tragédia porque é totalmente original deles, mas é uma pena porque é um anime muito, muito, muito amorzinho.

        (lembrando que as vendas são consideradas pela média de venda de cada volume de DVD e BD, 3 mil de média é considerado o mínimo para não ser um fracasso).

  • Tairon

    Caraca, só vi agora que este cast foi lançado!! VEI!!!
    Melhor* anime.

  • Kairos Aevum

    Muy bueno o episódio. Nichijou é uma das minhas comédias favoritas.

    Agora fiquei com vontade de escutar um JACK de Non Non Biyori…

  • Tairon

    Caras!!!!!!!!!!!!!
    Primeiro a melhor personagem é de longe a Mai Minakami.
    Chegou um momento que só de olhar pra ela eu já estava rindo.

    Vei, Nichijou tem MUITAS partes ótimas, bastantes partes boas, e algumas ‘Ok’.

    Mas, de todas, a minha preferia é (ultima no episódio 06) a que as três estão lá ‘acampando’ e cozinhando a janta, e a Mai esta pescando… CARA, só de lembrar daquilo eu começo a rir.

    As partes fofinhas são muito boas. S2
    A professorinha (Izumi Sakurai) é muito fofinha e amável.
    A Nano é um ótimo personagem. A Hakase é muito boa também..
    E o gato vei!!!!!!!!!!

    Só tem personagem bom neste anime!!!!

    Uma parte que tocou meu coração, foi quando a Nano começa a ir pra escola, e as meninas ficam tentando descobrir se ela é um robô ou não. Ai chega no final, e a Mai acha um parafuso que era da Nano. E ao invés de espalhar pra todo mundo (ou algo do tipo), ela vai e deixa no muro da casa dela.
    Vei… MELHOR PERSONAGEM! (Episódio 16).

    Outra parte épica é quando o policial vai perguntar sobre um bandido para a Mio, e pede pra ver a sacola dela… ahhahahaha VEI!!!!!!!!!!!!!! (Episódio 16 também).

    Cara.. Este é um ÓTIMO anime!!!! Muito bom.. Agradeço a todos pelo cast. S2

    • Tairon

      Arcos que lembrei agora que são épicos também!!!:
      Quando vai as duas meninas na casa da Mio para ajudá-la a terminar o mangá dela.. FODA!!!
      TODOS os arcos da irmã da Mio são bons também! (Yoshino Naganohara) Que personagem BOM!
      O arco do tempo (que quebra sozinho lá na chuva com as meninas!!!) QUE ABSURDO DE BOM!!!!
      A parte que elas ficam presa no elevador… CARA, ESTE FOI TÃO BOM!!!!

  • Gabriel Azmodam

    Eu trocaria minha alma por mais Jacks no mês.

    • Panino, o Manino

      E pelo Mizanzuki se pronunciar mais, as vezes fico com a suspeita de que ele fica queto para não parecer muito otako…

  • Lucas Santana

    A parte que mais me marcou de Nichijou foi, por estranho que pareça, com a personagem que menos gosto: Hakase. É no começo da série, que ela e a robô prendem uma barata numa cunha hauhauahuahauhauh AQUILO É GENIAL E O GATO AJUDANDO AHUAHAUAHAU

  • Vinicius Duarte

    Voce conseguiram vender bem o anime, ja me fez assistir 4 ep e já estou apaixonado !!! Porra a animação é sensacional !

  • Queria dizer que ouvi esse podcast enquanto tava na academia e só de ver vocês falando de algumas esquetes, elas já rodaram automaticamente na minha cabeça e eu tive que me segurar pra não cair na gargalhada enquanto levantava pesos e me deu muita vontade de rever. Nichijou é um dos meus animes favoritos e sempre revejo algumas esquetes que gosto em doses esporádicas e nessa brincadeira, devo ter feito que nem o Sushi de já ter visto inteiro algumas vezes assim.

    Quando quero convencer alguém a ver Nichijou normalmente mando o vídeo da esquete da Yukko vendo o Diretor lutar contra o veado, mas acho que a minha favorita é essa aqui:
    https://www.youtube.com/watch?v=PuuC1Icnlg4

  • Eu ouvi o cast sem ter assistido Nichijou: Só aumentou ainda mais minha curiosidade pelo anime, pois ficou estabelecido que ele não tem compromisso nenhum com o telespectador além de fazer ele rir com a sua comédia e isso me deixou animado em um nível saudável, não sou besta de colocar deus e o mundo como expectativas em cima desse anime.

    Sobre o próximo cast que será debatido com o novo membro do condado de Jack: Eu não gosto dele, pois parece que ele tenta te forçar um final para te fazer chorar e isso comigo não rola. Aumentar a trilha sonora em uma cena épica nos minutos finais de um episódio me irrita, eu não gosto, é como você ficar dando tapa na minha cara e ficar falando: “Chora. Chora. Chora. Chora. CHORA AGORA!” Isso para mim é estúpido e imbecil, mas eu não tiro mérito algum da obra como um todo pois é uma história bem contada e a proposta dela, contar sobre relacionamentos esquecidos e encontros perdidos de amizades esquecidas: Eu acho interessante e isso me pegou.

    Sobre o Cast final da Temporada: Esse anime é simplesmente o meu TOP 3 de todos os animes que eu já vi na minha vida, eu gosto MUITO dele, principalmente em questão de diálogos, enquadramento e direção dos episódios, além da trilha sonora e aquele encerramento inacreditavelmente bom com uma letra fudida que conta tudo que você precisa saber sobre ele, mas ao mesmo tempo não te spoila nada e quando faz sentido você leva as mãos na cabeça e fala: “Caraca, makes sense!”.

    Eu já vi ambos os animes, o anime do final da temporada eu vejo ele todo ano pois eu gosto muito dele. As continuações me deixam um pouco decepcionado mas eu gosto mesmo assim, e quando ele foi anunciado, as minhas expectativas para animes como Psycho Pass aparecerem aqui no Jack estão aumentando. Espero que continuem com o ótimo trabalho, abração forte e boa sorte nos casts e espero que se divirtam com esses animes.

    o/

  • Escutei o Jack de metido, pois não assisti Nichijou. Quando terminou o cast, ao contrário do que vocês acharam, eu comecei a assistir. Até agora, assisti o ep 00 e o ep 01, e caralho, CHOREI DE RIR com a cena da salsicha-polvinho. Vou continuar assistindo, e MUITO OBRIGADO por ter feito esse programa, da mesma maneira que o de Berserk, que eu nunca assisti e vomitei arco-iris com o quão foda é a Era de Ouro.

  • Armoderic

    Excelente podcast!

    Nichijou é excelente, já tinha começado a ver a algum tempo, devido ao pessoal do Calibre Lordal comentar a respeito.

    Um dos sketches preferidos é o do teste – https://www.youtube.com/watch?v=VcsiwzBrnzY que eu ri muito, me lembrou muito a sensação de terminar algumas provas na faculdade.

    Além dessa cena eu acho muito divertido todo o igo soccer, principalmente a parte do “duelo” do professor e o outro cara, alias o professor é um dos personagens favoritos, junto haruna, mio e yuuko. Alias outra cena que eu gosto muito são quando as três estão naquela santuário e dá tudo errado.

    Sobre Steins; Gate – tipo, não faz muito sentido “ver” um let´s play da VN (deu a impressão que falaram sobre isso, imagino que brincando), já que poderia estragar muito da experiência (seria mesma coisa que ver um let´s play de gone home, por exemplo na VN há todo um sistema de “tips” que eles explicam muita coisa, que não seria possível consultar, e mesmo o celular não ficaria tão evidente, já que a interação é toda por ele), a VN é um pouco mais longa,sim já que tem várias rotas, Porém, se for questão de tempo – além de ver o anime, que seria mais rápido, tem um mangá de Steins; Gate que foi lançado no brasil e são só quatro volumes (é basicamente o true ending).

    Eu gosto muito de Steins; Gate, principalmente quando colocado lado a lado com Chaos; Head (também é um VN, dos mesmo produtores, lançada antes, também teve uma adaptação para anime, não muito boa), uma vez que levemente eles tem alguns elos tanto de universo quando de estrutura.

    Bom já comecei a ver o Anohana, e já estou curtindo muito.

  • Anderson

    Me lembrou muito Azumanga daioh, que eu gosto muito. Tem vários animes de comedia nesse estilo que são engraçados também. Recomendo um bem curto mas muito bom que é o Tonari no Seki-kun.

  • Andrey Santiago

    Passando aqui só pra compartilhar a melhor re-interpretação da opening
    https://www.youtube.com/watch?v=eJEqHuBzDKw

  • Calyane Collet

    AAHHHH nichijou é mto bom socorro!! Pior que é muito verdade cara, eu canso de recomendar mas é dificil as pessoas “comprarem” ele, ou entao assistem uns dois eps e desistem. Frustrante mesmo. Acho que o parecido que comentaram é Danshi Koukousei no Nichijou não? É beeeem parecido.
    Feliz que vocês vão finalmente falar de Steins. É meu anime favorito, junto com alguns outros <3

  • Kirano

    Não vi Nichijou. Vim só comemorar. PORRA STEINS;GATE!!!! CARALHO!!! AEEEEE!!! MEU ANIME FAVORITO DE TODOS OS TEMPOS!!!

  • samuel losan

    Bom episódio , deixo a sugestão de Code Geass e No Game No Life.

  • Nichijou é incrível mesmo, chorei de rir só de relembrar das cenas, com vocês comentando.

    Uma das melhores esquetes pra mim é da Mio perdendo a linha.

    https://www.youtube.com/watch?v=z30Y572EmCk

  • Wellington Novaes

    Uma teoria: Se vocês repararem na esquete Helvetica Standard 9, existe a possibilidade de ser a Mai do Futuro. Isso explicaria a paixão pelos livros e a psicopatia. O que nos leva a crer que ela matou alguém na infância? Pois o livro trouxe “cor” a infância cinza dela. Cinza… Depressão? Ela sofria? Definitivamente, é interessante.