Linha Quente #39: Kingdom Hearts do SBT

2017-03-22T13:59:47+00:00 22 de março de 2017|Linha Quente|19 Comentários

[vc_row type=”in_container” scene_position=”center” text_color=”dark” text_align=”left”][vc_column column_padding=”no-extra-padding” column_padding_position=”all” background_color_opacity=”1″ background_hover_color_opacity=”1″ width=”3/4″][vc_column_text]Você que procura a iluminação ante as diversas mazelas da existência, que anseia por trilhar caminhos menos tortuosos em busca de uma presença confortável neste plano astral, que suplica por uma migalha de sabedoria no átimo mais importante de uma rotina desregrada… Você veio ao lugar certo.

No Linha Quente, este nosso canal de sapiência e muita streetwise (todos tiramos vinte no dado e somos os Lordes das Ruas), responderemos todas as suas questões sobre qualquer assunto.

É sério. Qualquer um.

Neste trigésimo nono episódio, oferecemos um pouco de nossa extrema erudição sobre assuntos que passam pela produtora de games do Silvio Santos, a melhor conduta ao se apaixonar por uma pessoa comprometida, a melhor maneira de assaltar um banco e barulhos estranhos na hora do sexo.

Abunde-se em um lugar confortável e esteja preparado(a) para expandir os horizontes de sua mente!

Tem alguma dúvida insaciável?

Basta clicar aqui e enviar sua pergunta.

Links:

[/vc_column_text][/vc_column][vc_column column_padding=”no-extra-padding” column_padding_position=”all” background_color_opacity=”1″ background_hover_color_opacity=”1″ width=”1/4″][vc_column_text][fap_track url=”http://media.blubrry.com/bilid/content.blubrry.com/bilid/Linha_Quente_39.mp3″ title=”Linha Quente #39:” share_link=”http://jogabilida.de/2017/03/linha-quente-39/” cover=”http://jogabilida.de/wp-content/uploads/2015/11/lqcapa.jpg” meta=”Kingdom Hearts do SBT” layout=”grid” enqueue=”yes” auto_enqueue=”yes”][/vc_column_text][vc_raw_html css=”.vc_custom_1449180476769{margin-top: 30px !important;}”]JTNDZGl2JTIwaWQlM0QlMjJmZWVkLWJ1dCUyMiUyMHN0eWxlJTNEJTIydGV4dC1hbGlnbiUzQSUyMGNlbnRlciUzQiUyMiUzRSUzQ2ElMjBzdHlsZSUzRCUyMmRpc3BsYXklM0ElMjBibG9jayUzQiUyMGNvbG9yJTNBJTIwJTIzZmZmJTNCJTIyJTIwaHJlZiUzRCUyMmh0dHAlM0ElMkYlMkZuYW9nYW1lcy5qb2dhYmlsaWRhLmRlJTJGJTIyJTIwdGFyZ2V0JTNEJTIyX2JsYW5rJTIyJTNFJTNDaSUyMGNsYXNzJTNEJTIyZmElMjBmYS1yc3MlMjBmYS0zeCUyMiUyMHN0eWxlJTNEJTIyZGlzcGxheSUzQSUyMGlubGluZS1ibG9jayUzQiUyMG1hcmdpbiUzQSUyMDAlMjAxMHB4JTNCJTIyJTNFJTNDJTJGaSUzRSUyMCUzQ3AlM0VGZWVkJTIwUlNTJTNDJTJGcCUzRSUzQyUyRmElM0UlM0MlMkZkaXYlM0UlMEElM0NkaXYlMjBpZCUzRCUyMml0dW5lcy1idXQlMjIlMjBzdHlsZSUzRCUyMnRleHQtYWxpZ24lM0ElMjBjZW50ZXIlM0IlMjIlM0UlM0NhJTIwc3R5bGUlM0QlMjJkaXNwbGF5JTNBJTIwYmxvY2slM0IlMjBjb2xvciUzQSUyMCUyM2ZmZiUzQiUyMiUyMGhyZWYlM0QlMjJodHRwJTNBJTJGJTJGaXR1bmVzMi5qb2dhYmlsaWRhLmRlJTJGJTIyJTIwdGFyZ2V0JTNEJTIyX2JsYW5rJTIyJTNFJTNDaSUyMGNsYXNzJTNEJTIyZmElMjBmYS1tdXNpYyUyMGZhLTN4JTIyJTIwc3R5bGUlM0QlMjJkaXNwbGF5JTNBJTIwaW5saW5lLWJsb2NrJTNCJTIwbWFyZ2luJTNBJTIwMCUyMDEwcHglM0IlMjBjb2xvciUzQSUyMCUyM2ZmZiUzQiUyMiUzRSUzQyUyRmklM0UlMjAlM0NwJTNFSXR1bmVzJTNDJTJGcCUzRSUzQyUyRmElM0UlM0MlMkZkaXYlM0U=[/vc_raw_html][vc_raw_html css=”.vc_custom_1448870206131{margin-top: -25px !important;}”]JTNDYSUyMGhyZWYlM0QlMjJodHRwJTNBJTJGJTJGeW91dHViZS5jb20lMkZqb2dhYmlsaWRhZGUlMjIlMjB0YXJnZXQlM0QlMjJfYmxhbmslMjIlM0UlM0NpJTIwY2xhc3MlM0QlMjJ5b3V0dWJlLWJ1dCUyMGZhLXlvdXR1YmUtcGxheSUyMGZhLTJ4JTIyJTNFJTNDJTJGaSUzRSUzQyUyRmElM0UlM0NhJTIwaHJlZiUzRCUyMmh0dHAlM0ElMkYlMkZmYWNlYm9vay5jb20lMkZqb2dhYmlsaWRhZGUlMjIlMjB0YXJnZXQlM0QlMjJfYmxhbmslMjIlM0UlM0NpJTIwY2xhc3MlM0QlMjJmYWNlLWJ1dCUyMGZhLWZhY2Vib29rJTIwZmEtMnglMjIlM0UlM0MlMkZpJTNFJTNDJTJGYSUzRSUzQ2ElMjBocmVmJTNEJTIyaHR0cCUzQSUyRiUyRnR3aXR0ZXIuY29tJTJGam9nYWJpbGlkYWRlJTIyJTIwdGFyZ2V0JTNEJTIyX2JsYW5rJTIyJTNFJTNDaSUyMGNsYXNzJTNEJTIydHdpdC1idXQlMjBmYS10d2l0dGVyJTIwZmEtMnglMjIlM0UlM0MlMkZpJTNFJTNDJTJGYSUzRQ==[/vc_raw_html][divider line_type=”Full Width Line” custom_height=”20″][toggles][toggle color=”Extra-Color-1″ title=”Trilha do Podcast”][vc_column_text]

  • “Tiger Balm” por Bob Bradley/Noel Dennis
  • “Early Summer” por Miami Nights 1984
  • “Last Embrace” por Makeup and Vanity Set
  • “Dust” por M.O.O.N.
  • “Elevator of Love” por Miami Nights 1984
  • “Turing Sequence” por Makeup and Vanity Set
  • “Plus Four” por M.O.O.N.
  • “On the Run” por Miami Nights 1984
  • “Memory Cycle” por Makeup and Vanity Set
  • “Delay” por M.O.O.N.
  • “Sunset Cruise” por Miami Nights 1984
  • “Senses Dynamics” por Makeup and Vanity Set

[/vc_column_text][/toggle][toggle color=”Extra-Color-1″ title=”Blocos do Podcast”][vc_column_text]

  • Pergunta 1 – 2:46
  • Pergunta 2 – 11:25
  • Pergunta 3 – 18:11
  • Pergunta 4 – 26:43
  • Pergunta 5 – 34:29

[/vc_column_text][/toggle][/toggles][/vc_column][/vc_row]

  • MarcusVss

    Haha eu falo a mesma coisa que o Rick falou sobre as lâmpadas do prédio em que minha mãe mora (que é um puzzle de RE). Lá, em cada andar vc tem um interruptor que, teoricamente, acende todas as lâmpadas dos corredores de todos os andares, mas às vezes você vai descer e está escuro e quando vc tenta acender a luz ela não acende, aí vc vai descendo e nos andares de baixo pode ser que acenda ou não. Às vezes vc tem que ir pro andar de cima, ligar o interruptor e aí sim descer novamente pro interruptor do andar da minha mãe funcionar. O ruim desse puzzle é q até hoje eu não consegui desvendar exatamente como ele funciona (e eu morei lá por mais de 10 anos).

  • Gabriel Azmodam

    Ultimamente a cadencia de podcast do Jogabilidade esta muito baixa, lançando praticamente 1 por semana, isso ta me deixando bem triste… Tipo, um dos motivo de eu amar saporra é que tinha podcast quase todos os dias, e com ótima qualidade… Mas agora, só tem uns bem espaçados e curtos… Tipo, eu sei que agora tem Um Jogo Um Tema, mas não é a mesma coisa que um Podcastão gostoso.

    • Gabriel, a gente nunca teve podcast todos os dias. A média é justamente dois por semana. Com algumas semanas um pouco mais ocupadas, porque o Construindo Mundos (que é mensal) calhou de sair nela.

      • Gabriel Azmodam

        Por falar em Jack, já fazem 84 anos…

    • MarcusVss

      Acho que agora já voltou ao normal.

  • Cesaeer

    De todos os casts da nova fase do Jogabilidade esse aqui é o que tem mais chances de ficar cansado, se não já ficou.

    Edição #39. Já tá maçante esse lance de “oq fazer com dinheiro infinito” e suas variações… Corraini passa o cast todo falando ” a gente virou isso agora ha-ha-ha” ao invés de selecionar outras perguntas

    • Gárgula Vermelho

      chama joão carvalho
      ou convidados.

    • Cadu

      Nah, meu podcast preferido do Jogabilidade ainda. E olha que eu gosto bastante dos outros. Se bem que o Fora da Caixa tá pau a pau.

    • Gabriel PS

      Concordo 100%. Tenho até pulado quando vem com essas de dinheiro infinito, decisões milionárias, muito zzZzzZz

    • Gabriel Macena

      Hmm, acho que o problema é muito as perguntas e não o programa, é meio difícil manter uma consistência boa entre elas. Por isso quando eles tentam fazer um programa em cima de perguntas repetidas isso acaba acontecendo, apesar que eu ainda gosto deles a ponto de continuar ouvindo e não sentir cansaço.

    • Então, eu escolho as perguntas que vocês mandam.

      Se você não gosta dos questionamentos selecionados, você ATIVAMENTE pode fazer o programa diferente, nos propondo coisas diferentes lá no ask.

      Como recebemos MUITAS perguntas dessas, meu pensamento é de que o assunto é divertido para a audiência.

      Em nenhum outro conteúdo nosso você tem mais voz do que no Linha Quente, porque o programa é 50% de vocês, pelo campo aberto para o envio de conteúdo que será discutido nele.

      Então, por favor, mãos à obra aí também <3

    • Ícaro Melo

      Cara, realmente essas perguntas sobre dinheiro infinito, como gastar milhões e etc, já saturou demais.. =/

  • Dair Biroli

    Silviotale! um porte de undertale para mega drive e master system exclusivo para o Brasil seria muito sucesso. Gugu flowey, Snowdin vila do chaves, Portiopyrus e roque sans genocide.

  • Vitor Calfa

    Enquanto ex funcionário do Sistema Brasileiro de Televisão, eu posso fazer alguns comentários sobre o universo em torno do “patrão”. Primeiramente, trabalhei lá de 2004 até 2008, e já naquele tempo as produções dos programas que ele apresentava sofriam com ele por conta de rompantes aleatórios, alterações de ultima hora e esquecimentos por conta da idade avançada. Imagino que só tenha piorado.

    Quanto a sucessão dele, já naquela época era assunto comum o fato de ninguém ter coragem de sugerir mudanças aqui e ali, mesmo tendo ideias promissoras ou boas intenções pois todo mundo se borrava de medo dele (ele é bem diferente fora das câmeras, mais para um patrão autoritário persecutório do que um poço de simpatia full time que ele apresenta para o público). Fato é, muita gente lá espera a aposentadoria ou falecimento dele ansiosamente para botar em praticas reformas artísticas, mudanças de programação, conteúdo, etc.

    Não sei dizer se o SBT vai ser melhor ou pior sem ele, mas com certeza haverão mudanças profundas pois muita gente lá não concorda com a filosofia dele mas segue calado em seu canto. A hora que ele se for, nos termos que for (aposentadoria ou falecimento), mudanças bastantes bruscas virão, podem contar.

    • Lucas Santana

      Interessante saber disso, só não posso comentar isso com minha vó, senão ela me bate.

  • Hugo Queiroz

    Linha Quente <3

  • Diego Miranda

    Pra quem é de SP, ta rolando uma exposição sobre a vida do Senor Abravanel no MIS, bem maneira, #fikdik pro fora da caixa.

  • Vinícius

    cara, meu coração ficaria tão feliz em ver uma fanart desse crossover de kingdom hearts x sbt

  • Everardo Feres

    Só passei pra dizer que roubo é quando há subtração de algo, pertencente a outra pessoa, para si; utilizando de violência ou grave ameaça. E furto é a subtração sem violência ou grave ameaça. Não existe “assalto” juridicamente falando, pois é apenas um sinônimo popular para roubo.

    Sushi misturou os termos. Normal. Abs

X