Fora da Caixa #50: Your Name, Planeta dos Macacos, Annabelle 2

2017-09-04T18:31:07+00:00 17 de agosto de 2017|Fora da Caixa|30 Comentários

Com tudo o que tem acontecido pelo mundo, às vezes o que precisamos é, por mais que brevemente, ir para Fora da Caixa.

Nessa fuga, André e Sushi recebem mais uma vez a convidada Mellissa Pereirado Yada Yadapara bater um papo sobre a melhor dupla de macacos do cinema e o Planeta do Macacos: A Guerra (War for the Planet of the Apes); sobre a linda animação Your Name (Kimi No Na Wa) e também sobre o surpreendentemente bom Annabelle 2: A Criação do Mal (Annabelle: Creation).

E o Que Você Tem a Dizer?

Tem algum feedback, sugestões de filmes, músicas, séries, apresentações de balé ou qualquer outra coisa? Deixe-a nos comentários abaixo ou envie seu e-mail pelo formulário de contato ou para contato@jogabilida.de.

  • “First Crush”, por Saberpulse
  • “War”, por Edwin Starr
  • “Yumetourou”, de Your Name.
  • “Nandemonaiya”, de Your Name.

  • Annabelle 2: A Criação do Mal: 00:03:08
  • Planeta dos Macacos: A Guerra: 00:18:01
  • Your Name.: 00:30:03

  • AnaniasJr

    [ah não já começou esse negócio de falar de anime no Fora da Caixa intensifies]

  • This is ridiculous man

    Me desculpem mas toda vez que eu lembro de mel, e drogas, eu lembro do nucleo rico do siliclone, onde a melconha era feita por diversas personagens, inclusive, por uma senhoa de 70 anos

    https://www.youtube.com/watch?v=D4N3U0foZEI

  • This is ridiculous man

    um filme que eu me cago de medo é o albergue, inclusive eu assisti esse filme por uma bait do curujão, por que o filme tem um inicio mega legal e aventureiro, me lembrando até o que deveria ser um eurotrip, se ele fosse um filme sério, mas do nada ele vira de terror e fode com a sua cabeça, e esse filme só ficou mais fudido pra mim depois que eu descubri os relatos que existiam de deep web vendendo gente pra ser assassinada.

    Até hoje eu de quando volto a pensar naquela desgraça eu tenho umas crises de ansiedade, com a possibilidade remota daquilo acontecer comigo.

  • This is ridiculous man

    Eu gosto muito da direção do makoto shinkai, mas acho que o texto dele não é tão bom assim, agente pega, sei lá, o miyazaki, que é o cara que a galera compara muito os 2, o velhote tem toda uma linguagem e uma tecnica de roteiro muito própria, que desde o Totoro brilhava o olho da gente aqui do ocidente. O Makoto Shinkai não é assim, os filmes dele são lindos de doer, mas os roteiros dele são simples demais, com linhas de dialogo que beiram ao bobo, com um tom virado pro emocional que chega a ser tosco, sei lá, apesar de eu achar que ele tem muito potencial, afinal o cara já lançou 4 ou 5 filmes, enquanto miyazaki com a idade dele não tinha lançado nem 1, ainda acho que ele tem que comer muito arroz e feijão pra chegar perto em questão de linguagem, complexidade de roteiro e personagens que o miyazaki fez ainda lá no ‘O Castelo de cagliosto’ o primeiro filme dele.

    • Jhonathan Vieira

      Também tinha o Satoshi Kon, que fazia filmes muito ricos tanto nos textos quanto no visual (Paprika, Perfect Blue, Tokyo Godfathers), infelizmente se foi cedo, uma grande perda pro mundo da animação.

      • This is ridiculous man

        A animação japonesa está em crise há um tempo já, eu li um texto em algum, que me perdoe, eu não vou lembrar aonde, que em função da baixissima natalidade do Japão e das condições de trabalho mega exploratorias da industria de animes, não se tem mais produzido novos desenhistas por iniciativa propria como antigamente, e os que sobram acabam sendo roubados para outros mercados, como a industria dos jogos, ou de cinema ocidental pra fazer CGI, dai acontece essa baixissima diversidade de temas que existe hoje dentro dos animes. Bem triste mesmo que um cara como Satoshi Kon tenha morrido, assisti perfect blue, e dava pra ver que o cara tinha uma visão diferente de animação.

  • Caio Uchôa

    Assim, eu sei que não foi dito nem nada, mas eu meio que estava esperando Hamilton Ato 2 pro episódio 50, existe uma previsão pro ato 2?

    • André Campos

      Existe uma previsão interna, mas não quero me comprometer a torná-la oficial (ainda).

      • Caio Uchôa

        No one else was in the room where it happened.

  • Julio santos

    Sobre a trilogia nova do Planeta dos Macacos, o André colocou como preferência Rise>Dawn>War, achei curioso que a maioria das pessoas tanto na crítica como o público dizem que o War for the Planet of the Apes é o melhor da trilogia. Eu ainda não vi o filme mas… entre os dois primeiros eu prefiro o segundo filme.

    • André Campos

      É, depois de gravar eu vi isso também nos reviews que vi/ouvi. Fiquei surpreso! Os três são bem bons de todo modo.

  • Galadriel

    So vim dizer que Kimi no na Wa é lindo e todo mundo deveria ver.

  • Caio Franco

    Sei que é o nome internacional, mas na minha cabeça Kimi no na Wa é muito mais sonoro e bonito que que Your Name (Purista ou não, prefiro, mais bonito)… Planeta dos macacos é muito bom, gostei do final da trilogia, quanto a Anabele ainda não vi o primeiro, mas não me animo muito pro segundo

  • Carlos Eduardo

    Infelizmente Kimi no Na wa não pode entrar no Oscar de 2018, por ter sido lançado no final de 2016 nos Estados Unidos, justamente pra se qualificar pro Oscar de 2017.

    Pra mim, Kimi no Na wa é uma mistura de “Se eu fosse você” com alguns elementos do “Efeito Borboleta”

    Sobre o menino Jack que jaz RIP in Pieces.

    Ah antes que pareça que quero cagar regra, eu sempre achei que o Jack seria o segmento que duraria menos tempo, já que implica que todos ao menos tenham assistido os animes que iriam comentar.

    Desde 2013, basicamente só assisto animes, curtia o Jack pq era interessante ouvir as opiniões de parte da bancada que não eram “núcleo-duro” em animes. Por conta dele, ouvi sobre animes que passaram desapercebidos pq eram anteriores a 2013 e ou Otakus que conheço são meros “””””posers””””” e nem se deram ao trabalho de assistir obras boas (Tatami Galaxy/Kids on the Slope, que animes). Tbm ouvi pra receber spoiler de animes que não me interessaram tanto (sim FLCL e Madokinha estou falando de vcs).

    Meu único (e infantil) receio de vcs se conterem (um pouco) por causa de spoilers no formato do Fora da Caixa….Mas hey, vcs falarem sobre qualquer anime é melhor do que não falarem de anime. Sim, de qualquer mesmo, afinal eu quero ouvir suas opiniões….Escuto o Fora da Caixa, justamente por isso (mesmo não dando uma foda pra series e alguns filmes).

    Comecei a ouvir vcs pelo Linha Quente 32 com o menino Coão Jarvalho, mas diferente de outros podcasts que ele era convidado, gostei bastante. Só não escuto a parte de jogos pq sou um merda, que ta há anos jogando

  • Gabriela Souza

    Vocês já viram o The Girl Who Leapt Through Time? Acho muito bom <3

    • Clarice

      Eu adoro essa animação e foi impossível não lembrar dela quando eu assisti Kimi no na Wa <3

    • Jhonathan Vieira

      Mesmo diretor de Summer Wars e Bakemono no Ko, Mamoru Hosoda, até agora só vi filmes bons desse cara.

    • Kaue Fonseca

      Vimos juntos hahahaha 🙂

  • Dias158

    Kimi no Na Wa eh muito bom, mas eu gostei mais de Koe no Katachi

    • Hugo Salgueiro

      Finalmente achei alguém que concorde comigo, obrigado amigo o/

    • Jhonathan Vieira

      Meu problema com esse filme foi que nenhum personagem fora o protagonista teve uma evolução, zero, todos começam e terminam iguais, e mesmo o protagonista tem um arco questionável, acho que ao tentar resumir a obra completa eles não se preocuparam em realmente adaptar o enredo.

  • Daniel Leonhart

    Obrigado pela recomendação do Your Name… Depois de ouvir o podcast, corri para assistir. Gostei bastante! Já tinha lido em algum lugar dele, mas acabei esquecendo… ou será que sonhei?

  • Rafael Alves

    Gostei muito das indicações de filmes dos comentário, nunca tinha ouvido falar desse makoto shinkai, vou dar um chance a ele.

    Deixo aqui uma indicação de filme chines que assisti sem esperar absolutamente nada e me surpreendeu linda mente. The sword master, tem no netflix!

  • Puruluchu

    Assim como aconteceu na época pós-Atividade Paranormal, onde quase todo filme era uma versão diferente de Atividade Paranormal, todo filme de terror agora parece The Conjuring. Tá na hora de aparecer algo novo e bom novamente. Acho que nessa fórmula atual todo filme é só uma coleção de momentos de sustos com uma história genérica pra conectá-los. Considerando isso, ainda acho os momentos de sustos de Anabelle 1 melhor do que o 2.

  • Calyane Collet

    Tinha uns adolescentes muito chatos na minha sessão de anabelle 2 q tb ficaram rindo… muita falta de consideração =

  • Dimensão Interativa

    Para mim esse “Your name” é qualquer nota. É legal, mas só isso. Acho que é a obra mais “anime” do Makoto Shinkai. Não chega nem perto de Garden of Words em praticamente todos os aspectos, inclusive os técnicos. Não sei se é a versão que eu vi do “Your name”, mas não consegui reparar muito os cenários detalhados, marcas registradas do Makoto Shinkai e se me falassem que não foi ele que fez, eu até acreditaria.
    Alias, acho o Makoto shinkai é um cara bem inconstante, sendo algumas obras bem maneiras e outras bem mais ou menos. O cara que veio para substituir o Miyazaki foi o Mamoru Hosoda, esse sim manda bem.

  • Diego Moreira

    Qual o nome da musica que toca no final?

X