Vértice #118 (J): Um Doce de Console

2017-09-30T07:19:41+00:00 30 de setembro de 2017|Vértice|13 Comentários

Alguns doces são doces, outros são dentaduras, outros são consoles, mas independente do doce André, Sushi e Corraini estão pronto para discutir tudo sobre eles com o convidado Rafael Quina. Mas agora espera um minuto aí que aqui é o André revisando o texto que o Sushi escreveu e, meu deus, que loucura é essa? Será que ele usou drogas?

Além dos doces (e drogas) nós também conversamos sobre alguns dos jogos que jogamos na última quinzena, como: o surpreendente retorno da série com Metroid: Samus Returns; o carismático e viciante Steamworld Dig 2; o polêmico Knack 2; o inesperado e divertido Hob; e a fábrica de lindos gifs que é Ruiner.

E nos vemos na semana que vem para o episódio de notícias.

Tá no Seu Turno!

Tem alguma dúvida, questionamento ou tópico de discussão sobre games, a vida, o universo e métodos de ganhar dinheiro? Deixe-a nos comentários abaixo ou envie seu e-mail pelo formulário de contato ou para vertice@jogabilida.de.

  • “Late Nite Funk Squad”, por David Tobin, Jeff Meegan e Malcolm Edmonstone
  • “Drive Home”, por Steven Wilson

  • Metroid: Samus Returns: 00:05:35
  • Steamworld Dig 2: 00:20:36
  • Knack 2: 00:36:09
  • Hob: 00:49:13
  • Ruiner: 01:01:24
  • Lançamentos: 01:15:42

  • Brenno Arruda

    Na verdade, Hotline Miami é um jogo ruim e o Sushi só gostou porque jogou ele errado! Hahahaha

  • Kalel Mota

    Acho que a música de encerramento está errada na descrição.

  • Rafael comentou que jogava SteamWorld Dig ouvindo podcast. Que outros jogos são bons pra ficar escutando podcasts assim?

    • Rodrigo Henrique

      Que eu ja testei e n atrapalhou o jogo foi Minecraft, No Mans Sky e How To Survive 2, q eu lembro agora.

      • Obrigado

        • Thiago Nunes

          Eu diria também qualquer CCG que você já sabe jogar bem o suficiente pra não precisar se concentrar muito

          • Fábio Barbosa Alves

            Se você não está jogando sério, pode ser qualquer FPS no multiplayer.
            Mas, como já dito acima, qualquer jogo serve. Eu, por exemplo, jogo God of War ouvindo podcast de vez em quando pra pegar os troféus (claro que já sei a história e já zerei outra vezes).

    • Tony Horo

      Err.. qualquer jogo desde que vc já tenha ficado satisfeito com história e OST.

    • Rafael Quina

      Eu curto também jogar Binding of Isaac: Afterbirth+ ouvindo podcast =)

  • Joao Guilherme

    Eu tenho quase certeza que o sushi jogou Ruiner errado.

  • titorck

    Sushi joga os jogos de maneiras erradas, não gosta, e consequentemente o que ele não gosta é ruim!

  • Dá pra ouvir que o Sushi jogou o jogo da maneira errada.

X